Paróquia de Palhais/Santo António

Líder de pequeno grupo de crianças/adolescentes

Missão, Visão, Estratégia e Valores da Paróquia de Palhais/Santo António

A Paróquia de Palhais/Santo António existe para fazer discípulos-missionários que amam Deus e que amam os outros.

Queremos ser uma casa acolhedora onde a Comunidade, em família, transformada pelo Espírito Santo, ama, reza, vive e serve como discípulos de Jesus e missionários do Evangelho. E pretendemos atrair, até ao final de 2021, 250 pessoas da população local para discípulos-missionários comprometidos.

Somos uma Paróquia que quer atrair as pessoas que estão afastadas de Jesus ou que O desconhecem! A nossa estratégia é evangelizar como se fosse pela primeira vez através de um novo ardor, novos métodos e novas linguagens, ajudando assim as pessoas do século XXI a terem um encontro transformador com Jesus Cristo.

Valorizamos a excelência (fazer cada vez melhor, com transparência e sem desanimar; excelência como Deus e as pessoas merecem), promovemos a cultura de convite (para um primeiro passo; para a generosidade; para o serviço…), com expetativas claras (o que é esperado de nós e o que esperamos dos outros e cuidado na comunicação), conhecendo os números (medir e avaliar), com melhor liderança (acreditamos no potencial das pessoas e damos permissão para que façam acontecer).

 

Sobre este serviço

O ministério em pequenos grupos com crianças e adolescentes existe para, de forma atraente e com linguagem atual, levar os mais novos a uma relação mais íntima com Jesus e fazer pequenos discípulos-missionários integrados na Paróquia.

Os pequenos grupos de crianças e adolescentes pretendem ajudar as crianças e adolescentes a crescerem espiritualmente, com compromisso com a oração, a aprendizagem contínua, o serviço, o relacionamento e a generosidade, através do apoio de encontros regulares em ambiente divertido, saudável e seguro, e alguns eventos.

O líder dos pequenos grupos é um modelo para a Paróquia, sendo exemplo de pessoa íntegra, de discípulo, de missionário, que reza, é generoso, serve, procura aprender mais e estar com a Comunidade.

 

Responsabilidades principais e tarefas

  1. É um companheiro de viagem, mediador e facilitador para os mais novos viverem uma experiência de encontro com Jesus.
  2. Motivar cada criança, especialmente as que não conhecem Jesus, criando oportunidades de diálogo e ligação entre todos.
  3. Acompanhar as séries da Paróquia e aplicá-las no pequeno grupo, adaptando-as às idades, utilizando o material fornecido.
  4. Dedicar tempo a uma séria e atenta preparação de cada encontro, também com oração.
  5. Esforçar-se por “desescolarizar” os encontros.
  6. Participar em reuniões, conferências, formações, cursos, etc.
  7. Manter contacto regular com o ministro dos pequenos grupos de crianças/adolescentes.
  8. Ser assíduo e pontual a começar e a terminar cada encontro.
  9. Após cada encontro, verificar se o espaço está arrumado, limpo e higienizado.
  10. Estar atento aos detalhes em cada encontro e preparação.
  11. Estar atento à segurança dos mais novos, às distâncias de segurança e a sintomas de doença.
  12. Manter comunicação regular com os pais, motivando-os a estarem presentes e a colaborar nos encontros, sempre que possível, lembrando-os que são os principais responsáveis por ajudar as crianças e adolescentes no crescimento espiritual.
  13. Ajudar as famílias a relacionar-se com a vida da Comunidade de fé, motivando-os a celebrar eucaristia em família.
  14. Colaborar e partilhar com os outros pequenos grupos.
  15. Participar nos momentos importantes da Paróquia.
  16. Conhecer, aceitar e aplicar a Visão da Paróquia no seu pequeno grupo
  17. Conhecer e aplicar a Missão, Estratégia, Valores e Game Plan da Paróquia no seu pequeno grupo
  18. Compromisso com a oração, o estudo, a generosidade, o relacionamento saudável com outras pessoas, com um serviço de coração, sem agendas pessoais.

 

Pontos fortes & Dons pessoais

  1. Relacionamento próximo com Deus e abertura de espírito para servir onde e como for necessário, de acordo com os dons pessoais.
  2. Espírito acolhedor.
  3. Bom comunicador, com grande capacidade de escuta.
  4. Atenção à linguagem, evitando os termos demasiado religiosos.
  5. Capacidade de uso e de adaptação a novos métodos e tecnologias.
  6. Capacidade de transmitir a Palavra de Deus com alegria e simplicidade.
  7. Coração motivado para o serviço.
  8. Capacidade de trabalhar em Equipa.
  9. Capacidade de delegação de responsabilidades.
  10. Sorri sempre. Utiliza palavras positivas. Celebra. Partilha as vitórias com a Equipa.
  11. Orientado para resultados: estabelece e cumpre objetivos.

 

A Equipa

O líder de pequeno grupo de crianças e adolescentes reporta diretamente ao ministro dos pequenos grupos de crianças e adolescentes, a quem compete dialogar com cada líder e avaliar a performance de cada um.

O ministro dos pequenos grupos reporta diretamente ao responsável do Discipulado, da Equipa de Liderança.

 

Responsabilidades pessoais

Podem não estar diretamente relacionadas com o ministério:

  • Tem as prioridades bem ordenadas na sua vida, colocando Jesus em primeiro, o casamento em segundo, as crianças em terceiro, o trabalho em quarto e o ministério em quinto lugar.
  • Procura a Eucaristia e a confissão com regularidade.
  • É generoso com a missão da Paróquia, colaborando com ofertas regulares.
  • É fiel à Visão da Paróquia e protege a unidade e a boa saúde da Paróquia, evitando mexericos e conversas desnecessárias.
  • Não fala das pessoas. Fala com as pessoas.
  • Tem atitudes de cristão com os outros, especialmente com a Equipa.
  • Investe e procura os que estão perdidos, convidando-os a experimentar os pequenos grupos.
  • Sabe que o Alpha é a ferramenta utilizada pela Paróquia para evangelização, para chegar aos que não conhecem Jesus.

 

Horário

São necessários cerca de 30 minutos para uma boa preparação do encontro; cada encontro tem a duração máxima de 45 minutos; existe uma reunião de até 2 horas, pelo menos uma por trimestre; pode ser necessário dedicar tempo a algumas formações, conferências, etc.

 

Trabalhar numa Comunidade de fé (na Igreja) é substancialmente diferente do emprego secular. Na Igreja exigimos um nível de comportamento elevado e exemplar. Os líderes e voluntários devem comportar-se de uma forma consistente e adequada à missão e o propósito da Igreja.

Categoria: pequeno grupo
Tipo de contrato: voluntariado baseado nos dons pessoais
Localização: Santo António da Charneca

Apply for this position

Allowed Type(s): .pdf, .doc, .docx
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email